segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Um domingo com meu pai

Uma das pessoas que mais me orgulho em ter como amigo é meu pai. Ontem tivemos a oportunidade de estar lado a lado como pai e filho, num hábito bem pai e filho: ir ao Maracanã.
Sabe aquele dia que você se dá conta que deve sair um pouco, ver o dia? Pois é, acho que meu pai pensou assim. E fomos eu, ele, Ana e o grande Thiago Porto ao “templo sagrado do futebol”, futuro palco da final da Copa do Mundo de 2014 (?) – a Suderj sempre informa, mas eu nunca sei!
Bem, conseguir reunir um grande amigo, seu pai e a mulher que você ama para assistir teu time de coração é inigualável, realmente, o é. E foi.
Não tenho muito para falar hoje, na verdade, apenas sussurrei... No fundo, acho que foi o texto do meu chapa Marcelo Fernandes (http://mfpmarcelo.wordpress.com/) que me deu esse fôlego de soltar a voz no dia de hoje!
Estou bem, ando feliz. E voltar para casa com meu pai, só nós dois, no longo congestionamento da Avenida Suburbana ouvindo a Rádio CBN marcou o meu ótimo e tranqüilo fim de semana!
Só poço agradecer a Deus...

Obrigado.

Ps. Estou meio ocupado agora para, junto com minha voz, postar uma foto com meu coroa... então, fica para próxima! Pois ainda terão muitas!

Um comentário:

Marcelo Fernandes disse...

Bem-aventurados os que tem seus pais como amigos. É algo muito bom mesmo.
Felizes também os que vão ao Maraca hehe
grande abraço,